Pe. Jorge Torres: Vocations in the United States

Mar 25, 2024

A missão do Secretariado sobre Clero, Vida Consagrada e Vocações e Serra andam de mãos dadas. Está mais perto do que qualquer um de nós reconhece às vezes.

Um dos objetivos é aumentar as vocações multiculturais, e trabalhamos com diáconos e padres de várias etnias.

Nos anos 60, estávamos no auge, não só para a inscrição no seminário, mas também para a vida consagrada. Muitas vezes, as pessoas dizem: “Não é como costumava ser. Já não temos um padre como bibliotecário” – sabe, coisas que hoje nunca pensaríamos – “Já não temos um padre como treinador da equipa de basquetebol.” Naquela época, os bispos estavam apenas tentando descobrir o que fazer com todos eles.

Não há ateus em um buraco de raposa, sabe? Tivemos a Guerra Mundial. As pessoas oraram e sentiram um chamado ao sacerdócio. Gradualmente, isso foi diminuindo.

Neste momento, a linha mantém-se estável. Poderia ser maior? Com certeza. Mas estamos nos mantendo firmes. Há desafios, mas temos também a virtude teológica da esperança. A maioria dos seminaristas está em teologia, 89% deles. Muitas dioceses e até comunidades religiosas estão se movendo para aceitar aqueles que já passaram pela faculdade. Eles dizem que é mais experiência de vida, e até mesmo algumas comunidades religiosas estão dizendo agora, não apenas a faculdade, mas precisamos ver que você trabalhou, pagou suas contas, obteve uma educação, todas essas várias coisas.

Há muitas escolas de pensamento sobre este assunto. Falo com o Padre Kelly, presidente da Associação Nacional dos Seminários Católicos. Embora ele não tenha frequentado um seminário universitário, ele é um incrível defensor disso, acreditando que alguém que tem 17 anos e está pronto para dar sua vida ao Senhor deve ter a oportunidade. Ele costuma dizer às pessoas: “Eu não sou um produto desse sistema, mas trabalho dentro dele agora, e vejo a beleza dele. Vejo a beleza de poder ir à capela numa sexta-feira à noite em vez de, sabe, ir à festa da fraternidade local.”

Uma das mudanças que implementamos no ano passado, liderada pelo padre Lucas, envolve a colaboração com a CARA, que realiza estudos sobre vocações sacerdotais e religiosas. Eles agora nos fornecem projeções, incluindo tendências potenciais com uma margem positiva ou negativa. Para os programas universitários, que compreendem 4% de todos os seminaristas em todo o país, espera-se que a tendência permaneça relativamente estável, flutuando em mais ou menos um até 2028.

A CARA projeta que a representação hispânica, que atualmente está em 17%, aumentará gradualmente para quase 30% nos próximos anos, à medida que seu número continuar a crescer. Isso reflete as tendências observadas em vários setores, como o militar. As pessoas encontram uma maneira de buscar o que precisam, levando a uma reflexão sobre a demografia atual da Igreja. O aumento da representação hispânica significa que padres de diversas origens serão mais comuns, potencialmente promovendo conexões mais fortes entre o clero e as congregações.

Numa reunião recente da Associação Nacional das Escolas Teológicas Católicas, discutimos a importância da diversidade cultural dentro dos seminários. Este diálogo resultou de frutuosas discussões iniciadas por D. Bo num encontro anterior. Compreender e abraçar as diferenças culturais enriquece a nossa experiência comunitária e fortalece a nossa capacidade de cuidar uns dos outros.

Passando à distribuição étnica das ordenações, observamos flutuações, mas estabilidade geral. Esta é uma bênção considerando os desafios enfrentados por outros países desenvolvidos. Devemos estar gratos por esta tendência, reconhecendo aqueles que respondem ao seu chamado com um sonoro “Sim!”

Sempre gostei de ciência e estudei microbiologia antes de me juntar à minha comunidade. Fé e razão, ciência e religião, andam juntas. Eu estava aqui no Seminário São João Vianney. Para quem não sabe, sou padre da diocese de Orlando. Eu fui para a escola aqui em São João Vianney, e ainda me lembro em 1998 mais ou menos quando São João Paulo II lançou Fides et Ratio, fé e razão. Naquela época, o Padre Nunan, agora meu Bispo, Dom Nunan, convocou uma conferência e disse que precisamos discutir esse documento, que fé e razão andam juntas.

Quando fazem os estudos sobre pessoas que deixam a fé, sempre dizemos que isso acontece na faculdade ou na idade adulta. O desafio é que, às vezes, isso está acontecendo na terceira e quarta séries. E a razão é porque eles estão vendo o que a igreja ensina e o que o mundo está dizendo, e eles estão pensando que o que eles ouvem na Igreja é uma fábula, e o que eles aprendem na escola é científico. É muito importante ensinar às crianças que fé e razão andam juntas e dar o exemplo. Eles começam a dizer: “Esta pessoa está vindo para a igreja. Se eles estão ajoelhados diante do Santíssimo Sacramento, o que é que eles sabem?”

Anos atrás, os padres não eram os mais encorajadores quando se tratava de vocações, 63% dos que estavam em uma classe de ordenação recente disseram que um padre os encorajou. Não era esse o caso há alguns anos. E assim, você sabe, os bispos discutiram isso e a NCDVD desenvolveu uma maneira de treinar os padres em como incentivar. E isso é um grande passo. Mas as pessoas ainda ficam desencorajadas pela família, amigos e colegas de trabalho quando estão pensando em uma vocação sacerdotal ou religiosa. Acontece.

É engraçado, ninguém está mais chateado com o celibato ou a castidade, então as pessoas que não vivem é como se estivessem preocupadas que é contagioso. Então, você sabe, eu entrava no supermercado com meu colarinho romano para pegar um pouco de leite, e as pessoas ficavam tipo, “Oh, ele está aqui, o que pode acontecer?” Está forçando todo mundo, inclusive eu, a manter meus olhos no céu porque o padre, o consagrado homem e mulher, eles estão vivendo aqui como a maneira como nós vamos viver no céu.

O nosso trabalho não é convencer as pessoas a tornarem-se sacerdotes e religiosos, apenas convidar as pessoas a ver, a experimentar. É afirmativo ver uma porcentagem significativa de padres e religiosos citando o incentivo dos padres como um fator motivador. Isso reflete uma mudança positiva, já que os membros do clero são cada vez mais treinados para fornecer apoio e orientação a potenciais candidatos.

No entanto, existem também fontes de desânimo, muitas vezes decorrentes de pressões familiares ou sociais. No entanto, é essencial permanecermos firmes em nosso compromisso com a promoção vocacional.

Ao refletirmos sobre o caminho rumo ao sacerdócio ou à vida consagrada, é crucial lembrar que os convites podem ter impactos profundos.

Obrigado a todos por quem são.

~Pe. Jorge Torres, Diretor Executivo, CCLV
19 de janeiro de 2024, Serra Rally Miami

Resources

كيف نما نادي ميامي سيرا أضعافا مضاعفة

كيف نما نادي ميامي سيرا أضعافا مضاعفة

إنهم يسمونها معجزة ميامي. شهد نادي سيرا في ميامي مؤخرا زيادة قياسية في العضوية بفضل الجهود المتضافرة والمتعمدة للغاية في حملة العضوية. انتقل النادي من 9 أعضاء إلى 130 في غضون أشهر ، وقال سيرانس الذي سهل الحملة إن الاتصال الشخصي هو المفتاح. فيما يلي خمسة عناصر رئيسية...

Come and See: We are All Called to Vocation

Come and See: We are All Called to Vocation

Cardinal Luis Antonio Tagle of Manila at the 80th Serra International Convention, Chiang Mai, Thailand, June 23, 2023 Our convention is a good time to reflect on the reality of vocation in the life...

The Communion of Vocations

The Communion of Vocations

Cardinal Marc Armand Ouellet at the 80th Serra International Convention, Chiang Mai, Thailand, June 23, 2023 My heartfelt thanks to Serra International for inviting me to celebrate its 70th founding...

Basilian Seminarians in Mexico

Basilian Seminarians in Mexico

An Unforgettable Trip Made Possible by International Cooperation among Serrans When a group of Basilian seminarians recently went on retreat in Mexico, several Serra Clubs came together and offered...

A Year of New Growth in 2023

A Year of New Growth in 2023

Given by Greg Schwietz at the Chiang Mai, Thailand, Serra Convention, June 22, 2023   Your Eminences, your Excellencies, Reverend Fathers, Sisters, Serrans and guests; Thank you for the...

An inviting Gift: Serra Invitation Coin

An inviting Gift: Serra Invitation Coin

For many priests, invitation was a key factor in entering the seminary —being personally asked to consider a priestly vocation. When Cardinal Thomas Christopher Collins addressed Serrans at their...

A Vision for the Year Ahead

A Vision for the Year Ahead

New Serra International President Kurt Metyko’s speech at the 2023 Convention... Your Eminences, your Excellencies, Reverend Fathers, Sisters, Brothers, fellow Serrans and guests: First, I would...

What is a Culture of Vocations?

What is a Culture of Vocations?

We use this term a lot in Serra. Creating a Culture of Vocations in parishes and dioceses is our primary strategy to achieve our Serra mission. But what does it mean? How do we know we have achieved...

Serrans Celebrate 75th Anniversary

Serrans Celebrate 75th Anniversary

By Fr. Ken Schuckman - Diocese of Wichita The Downtown Serra Club of Wichita will commemorate its 75th anniversary as a club of Serra International Thursday, March 9. In preparation for the event,...

Serra Meets: Meeting Recap

Serra Meets: Meeting Recap

At the most recent Serra Meets session, Mother Clare Matthiass, Franciscan Sisters of the Renewal (CFR), discussed her charming children’s book, The Unsolvable Problem, which introduces young...

Who is at the Center of Your Prayer?

Who is at the Center of Your Prayer?

Today's Readings The parable of the Pharisee and the tax collector going to the temple to pray was a way for Jesus to show that merely following the rules and going through the motions of...

Actions Speak Louder Than Words

Actions Speak Louder Than Words

Today's readings While many difficult decisions as well as physically and emotionally challenging acts were achieved by St. Joseph, the earthly foster-father of Jesus, he has not one speaking line...

Are You a Comfortable Catholic?

Are You a Comfortable Catholic?

Today's readings In today’s Gospel, the mother of two of Jesus’ disciples recognizes His greatness and authority. She asks Him to command her sons to sit at His right and left hand – presumably, in...

To Know Mercy

To Know Mercy

Today's Readings Throughout his ministry, Jesus urges us to strive for perfection, especially in our capacity to love and to forgive. The reason for this is simple: we fail. A lot. We make mistakes,...

The Spiritual Works of Mercy

The Spiritual Works of Mercy

Today's Readings In today’s Gospel, Jesus teaches how to pray. We call it the “Lord’s Prayer” and it covers just about everything one needs – for oneself. Still, there is prayer for others – for...